Franquias podem buscar novas linhas de crédito em bancos nacionais

Com o período de instabilidade econômica, a busca por crédito no mercado nacional é cada vez mais comum.

Após mapear a situação, os bancos Bradesco e Santander anunciaram, hoje (20), a abertura de novas linhas de crédito para franquias.

A divulgação foi feita durante a 25º edição da ABF Expo Franchising, realizada pela Associação Brasileira de Franchising (ABF).

A primeira das duas linhas do Bradesco é a FAMPE Franquias.

Por meio dela, serão destinados até R$ 250 mil para micro empresas e até R$ 375 mil para pequenas empresas. A taxa de juros é de 2,28% ao mês, com prazo de até 60 meses.

A linha já existia, mas ampliou seus valores de concessão e o prazo máximo de contrato.

A segunda linha de crédito é associada ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e se chama BNDES Progeren. Essa linha é destinada para quem precisa de capital de giro de longo prazo e precisa pagar, por exemplo, aquisição de estoque, matéria-prima e folhas de pagamento.

O limite máximo de financiamento é de até R$ 16 milhões, com prazo máximo de 60 meses. A taxa cobrada é de 7,5% ao ano mais a Taxa de Juros de Longo Prazo (TJLP) do BNDES.

Santander – O banco irá disponibilizar mais R$ 1 bilhão em crédito ao setor de franquias. O banco conta com 85 redes de franquias brasileiras em sua carteira de clientes, e pretende dobrar o número até o fim deste ano. Dentro desses recursos, R$ 375 milhões de reais serão concedidos a pequenas e médias empresas.

 

 

Com informações de: Revista Exame.

categorias: Economia, Empreendedorismo